- Juiz e Fora Convention

Logotipo Juiz de Fora Convention
 
 

Notícias

 

Tour por Juiz de Fora!

 Na rotina cotidiana, diversas vezes passamos distraídos por marcos da cidade, sem notar a história e a cultura envolvidas no ambiente em que estamos inseridos. Pensando nisso, a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), por meio do Departamento de Incentivo ao Turismo (Ditur) da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Sedettur), em parceria com a Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa) realizou o tour “Viva JF”, que levou mais de 50 pessoas para conhecer a história por trás dos patrimônios tombados no Centro, nessa quarta-feira, 27, data em que se comemorou o “Dia Mundial do Turismo”.

“Sabemos da importância dessa atividade para a economia, mas a Prefeitura quer mostrar que o turismo vai além. É também responsável pela manutenção e valorização da cultura, história e tradição de um local”, destacou Tatyana Hauck Herdy Hill, gerente do Departamento de Incentivo ao Turismo (Ditur).

Durante a manhã e a tarde, dois grupos de inscritos tiveram a chance de lançar um novo olhar sobre o Centro Juiz de Fora. Guiado por historiadores, turismólogos, arquitetos e estagiários, o tour teve início na Praça da Estação, passando pelo Museu Ferroviário, Mercado Municipal, Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM), Museu do Crédito Real, Cine Palace, o Cine-Teatro Central e terminando no Parque Halfeld, com a história do local e dos painéis “As Quatro Estações” e “Cavalos”, de Cândido Portinari, localizados no Edifício Clube, na esquina entre calçadão da Rua Halfeld e a Avenida Rio Branco.

O estagiário do Departamento de Turismo da PJF, Inácio Botto, foi quem sugeriu a iniciativa e explicou como surgiu a ideia. “Eu vi uma publicação sobre a jornada do patrimônio do Sesc de São Paulo, que é bem parecida com a iniciativa que estamos tomando hoje. Eu me interessei sobre o assunto e descobri o “Open House New York” (Casa Aberta Nova Iorque), que é um grupo que abre as casas históricas de Nova Iorque para os visitantes, e eu trouxe a ideia para o departamento, que abraçou o projeto”.

O historiador da Divisão de Patrimônio Cultural da Funalfa (Dipac), Fabrício Fernandes, destacou que o conhecimento histórico sobre os patrimônios pode contribuir para conscientização sobre a importância preservação do acervo.

“É preciso conhecer para preservar. Nós, de dentro do Departamento de Patrimônio e Turismo, contamos detalhes da história da cidade que a gente conhece e, com isso, aproximamos a população do nosso acervo. Juiz de Fora tem mais de 180 bens tombados”, ressaltou.

População aprova iniciativa

O tour foi aprovado pelos participantes, de diversas faixas etárias. A engenheira Leila Garcia, natural do Pará, que se mudou para Juiz de Fora, gostou do projeto e ressaltou a relevância de se conhecer a história da cidade. “Eu vim de outro estado e achei a iniciativa superinteressante. Quero passar as informações que tive hoje para pessoas de outros estados e cidades, para que visitem Juiz de Fora e vejam os pontos turísticos”.

O farmacêutico e bioquímico Luiz Antônio Schreiner Cavalieri, sócio-proprietário do Laboratório Cavalieri, destacou a riqueza cultural de Juiz de Fora. “A iniciativa para comemorar o Dia do Turismo é espetacular. Eu sou de Juiz de Fora e vi coisas hoje que eu não conhecia. Isso estimula a gente a criar grupos e agendar visitas nesses lugares, levando a família para conhecer”.

Texto: João Victor Rodrigues, estagiário, sob supervisão de Telma Elisa

 
 
 


 

Voltar

Notícias JF Convention

1 2 3 4 > >>

 

 

© 2017 – Juiz de Fora e Região Convention & Visitors Bureau – Direitos Reservados